Olhar Jurídico

Quarta-feira, 24 de julho de 2024

Notícias | Política de Classe

Eleição OAB-MT

Pesquisa mostra que Moreno está na liderança para presidência da OAB-MT; veja o quadro

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Pesquisa mostra que Moreno está na liderança para presidência da OAB-MT; veja o quadro
Pesquisa realizada pelo Instituto Qualidados, de Cuiabá, apontou que o candidato José Moreno lidera a disputa pela presidência da OAB-MT. Ele possui 23% das intenções de votos na modalidade estimulada (em que é apresentada uma relação de candidatos).


Leia mais:
Juiz nomeia comitê para maior caso de falência de indústria de soja de MT que se arrasta há 13 anos


Moreno é seguido de perto por Fábio Capilé, com 21%; e Leonardo Campos, com 19,5%. Na sequência estão os candidatos Cláudia Aquino, com 13%; e Pio da Silva, com 1,5%. Outros 21% disseram que não sabem em quem votar; e 1% que não votará em nenhum. Considerando a margem de erro - de 2%, para mais ou para menos - o resultado revela possível empate técnico entre os três primeiros candidatos.

O instituto ouviu 280 advogados, sendo 60% em Cuiabá e 40% no interior de Mato Grosso, nos últimos dias 3 e 4 de novembro. Para a obtenção dos dados, foi utilizado o método survey, que consiste na aplicação de questionário em campo e por telefone.

Dos entrevistados, 50,5% são do sexo feminino e 49,5% do sexo masculino. Quanto ao tempo de advocacia, 34% possuem até 5 anos de profissão; 44% atuam de 5 a 10 anos; e 22% estão no ramo da advocacia há mais de 10 anos.

O Instituto Qualidados fez três baterias de pesquisas: a primeira ocorreu de 30 setembro a 2 de outubro; a segunda de 26 outubro a 28 de outubro; e a terceira, nos dias 3 e 4 de novembro.
Nos três levantamentos, houve o equilíbrio entre os três primeiros colocados.

Pesquisa espontânea

Já na pesquisa espontânea (em que o eleitor apenas é perguntado em quem votaria, sem a citação dos nomes dos candidatos), o advogado Léo Capataz foi o mais votado, com 15%. Em seguida, está José Moreno, com 14,5%; e Fábio Capilé, com 13,5%. A candidata Cláudia Aquino aparece na sequência, com 9,5% dos votos; e Pio da Silva com 0,5%.

O percentual de advogados que não soube responder foi de 45% (1,5% disse que não votariam em nenhum candidato; 0,5% citou outros nomes).

Variação

O resultado estimulado, na última rodada de pesquisa, mostrou que, excluindo os votos indecisos e nulos, e levando-se em conta apenas os votos válidos, José Moreno possui de 27,5% a 31,5%. Logo atrás vem Fábio Capilé, com percentual de 25% a 29%. O advogado Léo Capataz vem em seguida, com variação de 23% a 27%. Em quarto lugar, aparece Cláudia Aquino, que apresenta variação de 14,5% a 18,5% dos votos válidos.

Coordenador 

“A pesquisa mostra a realidade de um trabalho que vem sendo feito. Mostra também que é o momento de dar um novo rumo para a OAB-MT. A liderança aponta que mesmo sem a maquina, é possível fazer uma boa campanha”, disse Armando Candia, coordenador de campanha e candidato a conselheiro federal na Chapa de Moreno.



Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet