Olhar Jurídico

Sábado, 20 de julho de 2024

Notícias | Criminal

PRESO HÁ 2 MESES

Dr. Bumbum recebe mais prazo para apresentar defesa em processo sobre morte de bancária

Foto: Leo Correa/AP

Dr. Bumbum recebe mais prazo para apresentar defesa em processo sobre morte de bancária
A defesa do médico Denis Furtado, conhecido como “Dr. Bumbum”, teve seu pedido de dilação do prazo para apresentação de defesa deferido pela Justiça do Rio de Janeiro. De acordo com o novo advogado do médico, Ricardo Fernandes Maia, a apresentação deve ocorrer na próxima semana.


Dr. Bumbum está preso desde o dia 19 de julho, pelo cumprimento do mandado de prisão preventiva, após denúncia contra ele por homicídio qualificado da bancária mato-grossense Lilian Calixto, que morreu em 15 de julho, após uma operação estética.
 
Leia mais:
Após denúncia, Justiça determina prisão preventiva do Dr. Bumbum por morte de bancária
 
No último dia 17 de setembro a juíza Viviane Ramos de Faria deferiu um requerimento da defesa de Denis Furtado, para que o prazo para a apresentação de defesa fosse adiado. Ao Olhar Jurídico o advogado Ricardo Fernandes Maia, disse que assumiu o caso há pouco tempo, próximo ao vencimento deste prazo, e por isso pediu a dilação.

A defesa do Dr. Bumbum neste caso era patrocinada, anteriormente, pela advogada Naiara Baldanza. Ela defende Denis em vários processos que ele responde no Distrito Federal, onde ela é registrada. De acordo com novo o advogado, que atua no Rio de Janeiro, a apresentação da defesa do Dr. Bumbum deve acontecer já na próxima semana.

Baldanza, em nota encaminhada ao Olhar Direto a advogada havia afirmado que muitas das informações que estão circulando na internet e redes sociais acerca do médico são inverídicas. A advogada ainda lamentou o fato.

“Na oportunidade, expresso meus pêsames à família de Liliam Calixo. Infelizmente, existem fatalidades que transcendem ao entendimento humano. Saliento que o Dr. Denis é um dos médicos que mais realiza bioplastias no Brasil” e chamou o caso de “circunstância isolada”.
 
O caso
 
Segundo fontes ouvidas pelo Olhar Direto, Lilian teria ido para o Rio de Janeiro fazer um preenchimento de glúteo com PMMA, no sábado (14), pela manhã. Primeiramente, a cirurgia estaria marcada para acontecer em Brasília, mas foi transferida em cima da hora para o Rio. Ela trocou a passagem e foi.
 
No sábado, após o procedimento, Lilian chegou a sair do local onde foi atendida para ir jantar. Logo depois, começou a passar mal e foi hospitalizada e sofreu um mal súbito. A hora da morte foi registrada às 2h da madrugada. No entanto, o Hospital teria ligado para o telefone do responsável – uma amiga, a única que sabia que ela faria o procedimento – só doze horas depois, às 14h deste domingo (15).
 
Lilian foi gerente do antigo HSBC e estava, agora, à frente das contas do banco Bradesco. Natural de Barra do Bugres, ela era muito conhecida na capital. Ela deixa dois filhos. Um rapaz de 25 anos, e uma menina de 13, além do marido
 
O Conselho Regional de Medicina (Cremerj) abriu procedimento para apurar o caso. Famoso nas redes sociais, o médico possui mais de 600 mil seguidores e ofertava procedimentos de estética no Rio, em São Paulo e em Brasília. Nas redes sociais, ele é conhecido como 'Doutor Bumbum', em alusão aos procedimentos que realizava.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet