Olhar Jurídico

Terça-feira, 18 de junho de 2024

Notícias | Criminal

membro de facção

Juiz decreta quebra de sigilo telefônico de mulher suspeita de 'atrair' motoristas de aplicativo mortos por trio

19 Abr 2024 - 13:48

Da Redação - Amanda Divina e Luis Vinicius

Foto: reprodução

Juiz decreta quebra de sigilo telefônico de mulher suspeita de 'atrair' motoristas de aplicativo mortos por trio
O juiz substituto Abel Balbino Guimarães decretou a quebra de sigilo telefônico de Keise Melissa Rodrigues Matos, que foi presa pela Polícia Civil por suposto envolvimento na morte dos três motoristas de aplicativo em Várzea Grande. Ela foi localizada nesta sexta-feira (19).


Leia também
Defensor cogita acionar juiz por "informações incorretas" em ata de audiência de custódia de assassino de motoristas de app


De acordo com as informações apuradas pela reportagem, o magistrado autorizou a perícia e extração de dados que constam no aparelho com o objetivo de auxiliar na investigação.

A investigação apontou que foi pelo perfil Keise que os executores (um maior e dois menores) acionaram as vítimas. No local em que eram chamados, os profissionais se deparavam com o trio e eram rendidos.

Além disso, Keise foi apontada como namorada de um dos adolescentes menores de idade. Ela, que é membro de uma facção criminosa, tinha conhecimento de que os três suspeitos, que já foram localizados, iriam roubar e matar os motoristas de aplicativo.

Conforme depoimentos, Keise também seria a responsável por manter contatos dos quais seriam utilizados para vender os veículos roubados das vítimas.

A suspeita será encaminhada à sede da unidade policial para ser ouvida pelo delegado Edson Pick. Na sequência, ela será levada ao Fórum de Cuiabá, onde será submetida à audiência de apresentação.

Entenda o caso

Os policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foram informados sobre o desaparecimento de Elizeu Rosa Coelho no dia 11 de abril.

Já no final de semana, a DHPP foi informada sobre o desaparecimento de outros dois motoristas de aplicativo, sendo Márcio Rogério Carneiro e  Nilson Nogueira, de 42 anos.

Durante o início das investigações, foi constatado que as vítimas desapareceram após aceitarem algumas corridas. Com a ajuda de imagens de câmera de segurança, os policiais conseguiram encontrar os três carros usados pelas vítimas. Todos foram localizados em Várzea Grande.

Três suspeitos, sendo dois menores de idade, foram encontrados no bairro Cristo Rei. Eles confessaram o assassinado dos três motoristas e apontaram a localização dos corpos. As vítimas foram executadas com pauladas e esfaqueadas.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet