Olhar Jurídico

Domingo, 16 de junho de 2024

Notícias | Criminal

​CRIME PASSIONAL

Estudante de Direito que matou jovem a facadas em terminal de ônibus é condenado a 15 anos de prisão

Foto: Olhar Direto / Reprodução / Adir Ribeiro

Estudante de Direito que matou jovem a facadas em terminal de ônibus é condenado a 15 anos de prisão
Renan Antônio do Nascimento foi condenado nesta quinta-feira (4), pelo Tribunal do Júri, a 15 anos de prisão em regime fechado pelo assassinato de Cristian Gleydson Castro Rodrigues, em julho de 2014. O estudante de Direito matou a vítima com golpes de faca, pela manhã, no Terminal do CPA I em Cuiabá.

 
Leia mais:
Estudante de Direito mata homem a facadas em terminal de ônibus nesta manhã
 
À época Renan tinha 18 anos e teria atacado Cristian com vários golpes de faca no Terminal do CPA I. A confusão teria começado no banheiro do Terminal e Cristian, após ser atacado, teria saído correndo para pedir ajuda. Minutos antes de morrer ele disse que quem tinha lhe atacado foi Renan.
 
Policiais do 3º Batalhão da Polícia Militar conseguiram prender o jovem ainda pela manhã do mesmo dia. O crime teria ocorrido por motivo passional.
 
O julgamento de Renan começou por volta das 9h horas desta quinta-feira (4), no Tribunal do Júri em Cuiabá. O Conselho de Sentença o condenou a 15 anos de reclusão, no regime inicialmente fechado. O jovem poderá apelar em liberdade.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet