Olhar Jurídico

Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Notícias | Financeiro

comércio de alimentos

Advogado de MT consegue recuperação judicial de grupo com sede no RJ que sofre reflexos da pandemia

Foto: Olhar Direto

Advogado Marden Tortorelli

Advogado Marden Tortorelli

O advogado de Mato Grosso, Marden Tortorelli, foi o responsável pela ação que deferiu o pedido de recuperação judicial do Grupo Grude Comercio de Alimentos, do Rio de Janeiro. Agora, a empresa poderá se reestruturar e saldar seu passivo milionário junto aos seus credores.


Leia também
Investigação aponta que presidente da Fundação Nova Chance participou de esquema de transferência presos no antigo Carumbé


Nos últimos dez anos o grupo econômico se firmou no Estado do Rio de Janeiro construindo uma base  sólida  de múltiplas lojas a irrigar  um ecossistema  totalmente voltado  ao comércio de alimentos gerando lucros e também a criação de  inúmeros postos de trabalho. 

O advogado Dr. Marden Tortorelli que propôs a ação salientou que trata-se de um grupo forte e com um bom faturamento, mas que sofreu com pandemia. Como todos no setor, houve esse desequilíbrio em seu fluxo de caixa e faturamento, razão essa pela qual se fez necessário passar por essa reestruturação para ganhar um fôlego e com isso poder honrar todos seus compromissos financeiros.”

Embora tenha um passivo de milhões com a presente Recuperação Judicial, a empresa pretende ajustar seu fluxo de caixa e negociar com todos seus credores a melhor forma para saldar esse passivo. 

Além disso, na presente data o grupo não tem nenhuma ação de cobrança ou anotação de protestos no Serasa em seus cadastros, motivo pelo qual pretende manter assim esse histórico de cumpridora de suas obrigações junto a seus fornecedores e instituições financeiras.

Para Tortorelli, um escritório de Mato Grosso patrocinar a referida causa chama a atenção pelo fato de que hoje não existem mais fronteiras ou barreiras para a advocacia principalmente nessa área da insolvência. 

“O nosso Estado sempre esteve à frente nos grandes debates da insolvência, nosso Tribunal foi pioneiro em diversos embates e criou várias jurisprudências usadas em todo nosso País, temos diversos advogados que atuam em vários Estados, isso mostra que estamos aptos a atuar em todo nosso país” pontuou.

O grupo tem 60 dias para apresentar um Plano de Recuperação, onde trará a forma de pagamento dos seus credores e esse plano então será submetido a uma votação para aprovação em uma Assembleia Geral de Credores.  
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet