Olhar Jurídico

Segunda-feira, 19 de abril de 2021

Notícias / Geral

​DURAÇÃO DE 24 MESES

TJMT irá gastar R$ 12 milhões para contratar motoristas com salários de R$ 5,3 mil

Da Redação - Vinicius Mendes

16 Dez 2020 - 14:40

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

TJMT irá gastar R$ 12 milhões para contratar motoristas com salários de R$ 5,3 mil
O Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) firmou um contrato com a empresa Outpar Service Empresarial – EIRELI, de Londrina (PR), para a prestação de serviços de motorista (residente e por demanda), no valor de R$ 12.471.245,6. O salário de motorista será de R$ 5.311,74. A duração do contrato é de 24 meses, podendo ser prorrogado para durar até, no máximo, 60 meses.
 
Leia mais:
TJ nega recurso de associação que buscava pagamento de RGA de 2018
 
Todas as informações sobre o contrato estão disponíveis no Portal da Transparência. A empresa foi escolhida no Pregão Eletrônico n. 45/2020 para firmar contrato com o Estado de Mato Grosso, “por intermédio do Poder Judiciário/Tribunal de Justiça, [...], ou do Fundo de Apoio ao Judiciário/Funajuris”.
 
“O objeto do presente instrumento Contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços continuados de condução de veículos oficiais do Poder Judiciário do Estado de Mato Grosso e daqueles eventualmente requisitados, cedidos ou locados a este Poder, por meio de postos fixos de trabalho (mão de obra residente) e por demanda de serviços”, diz trecho do documento.
 
O custo para a mão de obra residente será de $ 11.127.756,00, enquanto o custo dos serviços de transporte por demanda será de R$ 1.343.489,65. Conforme a tabela, o salário de um motorista residente será de R$ 5.311,74.

A vigência do contrato é de 24 meses, no período de 3 de janeiro de 2021 a 2 de janeiro de 2023. Ele pode ser prorrogado por mais 24 meses, tendo sua duração limitada a 60 meses.
 
O documento foi assinado no último dia 9 de dezembro pelo desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, o presidente, e pelo representante da Outpar Service Empresarial, Wilson Geidelis Junior.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet