Olhar Jurídico

Domingo, 29 de novembro de 2020

Notícias / Criminal

Fazendas usadas por narcotraficante são leiloadas com preço de R$ 9,1 milhões

Da Redação - Arthur Santos da Silva

19 Nov 2020 - 17:46

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Fazendas usadas por narcotraficante são leiloadas com preço de R$ 9,1 milhões
Duas fazendas do narcotraficante Luiz Carlos da Rocha, o Cabeça Branca, considerado um dos mais perigosos da América Latina e preso desde 2017, vão a leilão nos dias 1º e três de dezembro, por R$ 9,1 milhões no primeiro leilão e R$ 7,2 milhões no segundo leilão.

Leia também 
Tribunal de Justiça mantém prisão de PMs flagrados atirando no rosto de mulher

 
Localizadas na cidade de Marcelândia, Mato Grosso, as Fazendas Jupinda e Estrelinha ultrapassam os 1,2 mil hectares, distribuídos entre mata nativa e área aberta para a produção de grãos.
 
O leilão milionário será realizado pela Topo Leilões e conduzido pelo leiloeiro oficial Guilherme Toporoski. “As fazendas são uma excelente opção de investimento e estão com valores abaixo do que os praticados no mercado. O leilão será realizado na modalidade eletrônica de forma a permitir a participação de interessados de todo o Brasil”, informou Toporoski.
 
Segundo informações do leiloeiro, a Fazenda Jupinda tem a área de 620,57 hectares, toda coberta por vegetação nativa, com valor em cerca de R$ 1,2 milhão.
 
Já a fazenda Estrelinha tem a área total de 596,45 hectares e possui aproximadamente 325 hectares de área aberta utilizada para a produção de grãos, avaliada em R$ 6,5 milhões, e o restante é composto de mata nativa, avaliada em R$ 950 mil, com valor total chegando a cerca de R$ 7,4 milhões.
 
A fazenda Estrelinha possui construções como um barracão, uma casa em alvenaria e quatro casas em madeira.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet