Olhar Jurídico

Quarta-feira, 02 de dezembro de 2020

Notícias / Civil

MPE investiga morte de sargento após hospital negar internação em UTI Covid

Da Redação - Arthur Santos da Silva

17 Set 2020 - 14:36

Foto: Reprodução

MPE investiga morte de sargento após hospital negar internação em UTI Covid
O Ministério Público de Mato Grosso (MPE), por meio da promotora de Justiça Ari Madeira Costa, abriu inquérito civil no dia nove de setembro para investigar a morte do sargento da Polícia Militar, Juarez Conceição de Matos, 46 anos.

Leia também  
Advogado de Taques refuta acusação de inelegibilidade e diz que ele nunca respondeu processo criminal


Segundo a portaria do inquérito, a investigação tem como base boletim de ocorrência feito por um médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Juarez foi transportado pelo Samu para dar entrada em um leito de UTI -  Covid do Hospital Regional de Rondonópolis.
 
Porém, segundo Boletim de Ocorrência, o médico plantonista do hospital não quis receber o paciente sob a alegação de que a senha da Central de Regulação não havia sido dada por ele. Embora houvesses duas vagas disponíveis na UTI – Covid, o Juarez não foi internado, morrendo por parada cardiorrespiratória.
 
Segundo informado no inquérito, a investigação levantará informações para subsidiar possível ação civil pública. A Central de Regulação e a Diretoria do Hospital Regional de Rondonópolis foram notificadas para prestarem informações no prazo de 10 dias.
 
PM
 
A Polícia Militar lamentou por meio da nota a morte do sargento Juarez Conceição de Matos, de 46 anos. O militar morreu  após sofrer  uma parada cardiorespiratória ocasionada por uma quadro de insuficiência renal.
 
“O Comando Geral da PM lamenta o falecimento do militar e presta condolências e solidariedade  à esposa e a filha do sargento Juarez pela grande e dolorosa perda”. 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet