Olhar Jurídico

Quinta-feira, 01 de outubro de 2020

Notícias / Eleitoral

​Juiz determina remoção de vídeo em que jornalista eleitor de Bolsonaro chama juíza Selma de “ficha suja”

Da Redação - Vinicius Mendes

04 Out 2018 - 14:45

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

​Juiz determina remoção de vídeo em que jornalista eleitor de Bolsonaro chama juíza Selma de “ficha suja”
O juiz auxiliar da propaganda, Mário Roberto Kono de Oliveira, determinou que o jornalista Marcelo Duarte, de Rondonópolis, remova imediatamente um vídeo no qual afirma que a candidata ao Senado, juíza Selma Arruda (PSL), é “ficha suja” e está inelegível. O jornalista, que é eleitor declarado de Jair Bolsonaro (PSL), já havia compartilhado um vídeo anteriormente, onde rasgou uma foto de Selma, dizendo que não lhe apoiava mais.
 
Leia mais:
Jornalista eleitor de Bolsonaro encerra apoio a juíza Selma por causa de união com Taques
 
A defesa de Selma Arruda ingressou com uma requisição judicial de exibição de dados e registro, para identificar o responsável em compartilhar no Whatsapp um vídeo do jornalista de Rondonópolis, Marcelo Duarte, em que afirma que afirma que a juíza está inelegível e virou “ficha suja”.

Os advogados afirmam que o vídeo tenta levar os eleitores ao erro fazendo tal afirmação. Eles então pediram os dados do responsável pelo compartilhamento, bem como a quantidade de mensagens que teriam sido enviadas entre os dias 30/09 e 03/10.

O magistrado verificou que a candidata, na plataforma Divulgacand do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), tem situação de cadastro “apto”, com seu registro de candidatura como “deferido”.

“Assim, inegável, sob uma análise perfunctória, de que a intenção do produtor do referido vídeo era macular a imagem da requerente, o que não deve permanecer”, argumentou.

Com relação aos dados da pessoa que compartilhou o vídeo, o juiz disse que estes devem ser solicitados à empresa responsável pelo aplicativo. Porém, ele determinou que o jornalista Marcelo Duarte, responsável pela produção do vídeo, o remova imediatamente.
 
Retirou apoio
 
O jornalista de Rondonópolis, Marcelo Duarte, compartilhou um vídeo em suas redes sociais, dizendo que agora não apóia mais a candidatura de Selma Arruda ao Senado. Duarte rasga um panfleto com o rosto de Selma e diz que apóia apenas a Bolsonaro. Ele desaprova a decisão do PSL em coligar com o PSDB de Pedro Taques. Ele ainda criticou a atitude da juíza, que, segundo ele, teria pedido votos para o Procurador Mauro (PSOL). “Eu não vou aceitar uma hora falar uma coisa e no outro dia desmentir”.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet