Olhar Jurídico

Domingo, 25 de agosto de 2019

Notícias / Cursos e Concursos

Inscrições para concurso da Justiça começam na segunda; são 168 vagas e salários superiores a R$ 4 mil

Da Redação - Paulo Victor Fanaia

10 Jan 2016 - 13:01

Foto: Reprodução

Inscrições para concurso da Justiça começam na segunda; são 168 vagas e salários superiores a R$ 4 mil
As inscrições para o Concurso Público para cargos de primeira e segunda instância do Poder Judiciário do Estado de Mato Grosso abrem na próxima segunda-feira, 11 de janeiro. Ao todo serão ofertadas 168 vagas, com salários superiores a R$ 4 mil. Saiba como se inscrever:

Leia mais:
Servidor investigado nega irregularidades e garante ter sido aprovado em concurso

O concurso será para os cargos de analista judiciário (110 vagas), técnico judiciário (55 vagas) e distribuidor, contador e partidor (três vagas). A remuneração para nível superior é de R$ 4.107,57, com jornada de trabalho de 30 horas semanais, e para nível médio – técnico judiciário é de R$ 2.150,56, com carga de 30 horas semanais. Para nível médio do cargo distribuidor, contador e partidor, também com salário é de R$ 2.365,60, com 30 horas por semana.

O presidente da Comissão Examinadora do Concurso, desembargador José Zuquim Nogueira, destacou a importância do concurso, que irá promover uma melhor prestação do serviço judicial, além de garantir andamentos de processos. “Nós não podemos deixar de considerar a qualidade do serviço, porque teremos, depois da aprovação, mais técnicos e analistas judiciários de nível superior, que vão agregar na soma de esforços”.

A inscrição com pagamento de taxa deverá ser efetuada via internet, no endereço eletrônico www.ufmt.br/concursos, no período compreendido entre as 8 horas do dia 11 de janeiro de 2016 e 23 horas e 59 minutos do dia 31 de janeiro de 2016. Para o cargo de nível superior analista judiciário, a inscrição é de R$ 100,00, e para os cargos de Nível Médio Técnico Judiciário e Distribuidor, Contador e Partidor, a inscrição custa R$ 80,00.

Isenção de taxa de Inscrição:

O magistrado ressaltou que os candidatos desempregados, os que recebem até um salário mínimo ou doadores de sangue têm a possibilidade do pedido de isenção do pagamento da taxa de inscrição. As inscrições vão até o dia 31 de janeiro. Todavia, “é importante observar aqueles que estão na condição de buscar a isenção, uma vez que os mesmos devem fazer o requerimento através do site da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) até o dia 13 e protocolar até o dia 14 na agência dos Correios juntamente com os documentos que o edital exige. No dia 25 serão divulgadas as inscrições deferidas ou indeferidas, isso para que haja tempo hábil para ele convalidar através do pagamento, caso seja indeferido o pedido de isenção”, complementa.

Reserva de Vagas para Minorias:

De acordo com José Zuquim, esse concurso tem destinação de um percentual de vagas específicas tanto para pessoas com deficiência (10%) quanto para negros (20%), atendendo resoluções e determinações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Serão ofertadas vagas específicas de nível superior, conforme disse o magistrado, para bacharéis em administração, direito, ciências contábeis, engenharia civil e economia. “Esses profissionais estarão habilitados a concorrer ao cargo de analista”.

O resultado final do concurso estará disponível, em lista aberta, a partir do dia 29 de abril de 2016. O provimento dos cargos ficará a critério do Tribunal de Justiça e obedecerá, rigorosamente, à ordem de classificação por cargo/especialidade/comarca.

Vai tentar? Confira o Edital

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet